:Expolondrina oferece variedade de alimentação. Esse ano tem até camarão na feira

Expolondrina oferece variedade de alimentação. Esse ano tem até camarão na feira - TV Na Rua CornelioDigital Expolondrina oferece variedade de alimentação. Esse ano tem até camarão na feira - TVNaRua Cornelio Digital - Notícias, Eventos e Entretenimento
Expolondrina oferece variedade de alimentação. Esse ano tem até camarão na feira

Vai almoçar ou jantar no ExpoLondrina? Aposto que a primeira coisa que vem à cabeça é churrasco! Afinal de contas, a carne bovina é a mais tradicional. E são várias opções de churrascaria na feira.

Uma delas é o Galpão da Costela. De segunda a sexta-feira, os clientes podem optar pelo prato executivo, a R$42,90. Aos finais de semana, a costela é o carro chefe a R$125,90 reais o quilo e costuma ter fila de espera pra comer. Em média são vendidos de 80 a 100 espetos por dia. São 500 quilos de costela diariamente, das 11h às 23h30.

O restaurante da família da Isabela está na quinta participação na Expolondrina. Segundo ela, a feira funciona como uma vitrine. "Muita gente conhece o Galpão aqui na expô. Nós temos dois endereços em Londrina, mas nem todo mundo conhece. Então é comum ter gente que vem pela primeira vez na Expo e depois vira freguês", conta Isabela.

Frutos do mar

Quando recebeu o convite para trazer o restaurante de frutos do mar Coco Bambu pela primeira vez para a ExpoLondrina, o empresário Marcelo Fernandes ficou um pouco reticente. "Normalmente a gente pensa em carne, né? Mas decidimos apostar e está sendo uma ótima surpresa", diz ele. O forte do cardápio é o camarão empanado com risoto de camarão. O prato custa R$ 215 e serve 3 pessoas. Mas tem opções individuais a partir de R$ 59 com camarão e R$ 39 com frango.

"Esse domingo superou todas as nossas expectativas, não imaginei que a aceitação numa feira agropecuária seria tão boa assim", afirma Marcelo. O empresário que há 5 anos trocou Fortaleza por Londrina está ainda mais otimista com as vendas no jantar. "À noite o pessoal procura comidas mais leves, é hora de trocar a carne pelo camarão".

O casal Nagi Nader e Rejane Lima veio de Curitiba para participar da Expolondrina. Como já conheciam o restaurante, eles não pensaram duas vezes antes de escolher o camarão para o almoço de domingo. "Fiquei surpresa de ter o Coco Bambu dentro da feira, é uma proposta diferente e que agrada muito", pontua a advogada

Cachorro quente self-service

Para quem topa uma refeição em forma de lanche, o self-service de cachorro quente é uma ótima pedida. O pão menor, com 1 salsicha, sai por R$ 20. O maior, com 2 salsichas, custa R$ 25. Os molhos e acompanhamentos como milho, ervilha e palmito são à vontade!

Érica e Paula são vegetarianas e optaram pelo lanche sem a salsicha. Elas estão trabalhando na Expo e aproveitam os molhos e acompanhamentos. "Não vale a pena gastar R$ 50 num self-service de comida pra pegar só arroz, feijão e salada, daí a gente aproveita o cachorro quente", diz Érica Mendes, que trabalha no Club Cão.

O "cachorrão" é muito procurado principalmente após os shows. "Tem gente que passa aqui e avisa: acabou o show, a gente vem comer, já virou tradição. É igual pastel na saída da balada", afirma Kylvia Guedes. A comerciante vem do sudoeste do Estado para montar o self-service especial e no domingo, o dia mais movimentado, vende até 1.500 lanches.

Visualizações 27
Fonte:
Por: Redação
Data: 12/04/2024 21h32min

Hospital do Câncer de Londrina


CONTATO
[email protected]
[email protected]
(43)99920-1893



TV Na Rua / CornelioDigtal / BandDigital- 2006 - 2023