:Cavalo Campeiro reúne dez animais em sua segunda participação na ExpoLondrina

Cavalo Campeiro reúne dez animais em sua segunda participação na ExpoLondrina - TV Na Rua CornelioDigital Cavalo Campeiro reúne dez animais em sua segunda participação na ExpoLondrina - TVNaRua Cornelio Digital - Notícias, Eventos e Entretenimento
Cavalo Campeiro reúne dez animais em sua segunda participação na ExpoLondrina

A programação do Cavalo Campeiro na ExpoLondrina 2023 terminou com chave de ouro neste domingo (16), com o julgamento de marcha da raça na pista central do Parque Ney Braga.

Este ano foi a segunda participação do Cavalo Campeiro na Exposição; a raça esteve presente em 2019. Foram dez animais de seis criadores do sudoeste paranaense e de Santa Catarina em 2023.

Elizando Pellin é diretor de marketing da Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Campeiro e responsável pela organização dos eventos da raça na ExpoLondrina. Ele explicou que o Cavalo Campeiro “é um cavalo brasileiro e sua origem se deu no planalto catarinense, na serra gaúcha e no sudoeste do Paraná”.

“Não há um número elevado de animais na exposição, mas nós tivemos uma participação com os melhores animais da raça aqui em Londrina e agradecemos a Sociedade Rural por nos proporcionar a pista central no domingo para a prova de marcha, atraindo público e dando uma visibilidade tremenda para a raça”, declarou Pellin.

Ele reforçou que o Cavalo Campeiro é descendente dos cavalos dos conquistadores espanhóis, “mas, orgulhosamente, tem a sua formação no sudoeste do Paraná. E como valorizamos nossas questões locais, é um orgulho trazer essa raça nova para a ExpoLondrina”.

“A confraternização entre os criadores foi fantástica e agradecemos o núcleo dos criadores do cavalo crioulo que nos cedeu a sede”, completou Pellin.

Ele explicou que o Cavalo Campeiro é destinado ao trabalho com gado, mas se destaca na marcha e na montaria, pelo conforto extremo na condução. “Participaram seis criadores com dez animais e esperamos que todos os anos o Cavalo Campeiro se faça presente e que as pessoas se interessem por descobrir a raça.”

No sábado (15), houve uma palestra sobre as características do andamento marchado e standard racial ideal para o Cavalo Campeiro e o julgamento de morfologia, que elegeu o melhor macho e a melhor fêmea da raça na ExpoLondrina.

Neste domingo (16), ocorreu o julgamento de marcha. Dentre as fêmeas, a campeã foi Pé-de-Saci Rumo à Bodega, de Pellin, que também é criador e expositor. Quem venceu na categoria reservada marcha fêmea foi Fortuna da JD do expositor Luiz Henkes e criador Orli José Duarte. O campeão dentre os machos foi Cacique da La Passion do criador e expositor Cristiano Bodenmüller. Já o título de reservado campeão marcha ficou com Sete Luas Rumo à Bodega de Elizandro Pellin.

O campeão no julgamento de morfologia foi Cacique da La Passion e o reservado campeão foi Sete Luas Rumo à Bodega. Das fêmeas na categoria morfologia a grande campeã foi Soberana da Água Dura, do expositor Cristiano Bodenmüller e criador Haras Água Dura e a reservada grande campeã foi Pé-de-Saci Rumo à Bodega, de Pellin.

Sobre o Cavalo Campeiro

A origem do Cavalo Campeiro é atribuída à expedição do espanhol Alvar Nuñes (“Cabeça de Vaca”), que em março de 1541 seguiu por terra, a partir do litoral de Santa Catarina até Assunção, Paraguai. Acredita-se que tenham havido extravios de animais por outras expedições espanholas com a mesma rota.

A principal característica do Cavalo Campeiro é a marcha em quatro tempos, com apoios desencontrados, que proporcionam reações suaves e conforto ao cavaleiro, além da marcha em todas as suas modalidades, exceto o trote e a andadura.

As pelagens principais são castanho, baio e tordilho. O animal da raça tem olhos vivos e orelhas ativas, é forte e delgado, bem aprumados. Seu pescoço delicado é mais comprido do que a cabeça e o tronco bem definido proporciona facilidade e leveza nos giros e boa estabilidade à montaria e ao cavaleiro. A garupa é ampla, suavemente inclinada, facilitando o arranque.

Pela característica de seu andamento, o Cavalo Campeiro é indicado para passeio e lazer em longos percursos. É próprio para as lidas do campo, apresenta bom desempenho em esportes rurais, principalmente em disputas de laço. Chama a atenção por sua inteligência, docilidade e destreza.

 

 

Fotografia: Rei Santos

Visualizações 47
Fonte: Expo Londrina
Por: Reda��o
Data: 25/04/2023 16h51min

Hospital do Câncer de Londrina


CONTATO
[email protected]
[email protected]
(43)99920-1893



TV Na Rua / CornelioDigtal / BandDigital- 2006 - 2023